musicas.mus.br

Letras de músicas - letra de música - letra da música - letras e cifras - letras traduzidas - letra traduzida - lyrics - paroles - lyric - canciones - RI AGORA, CHORE DEPOIS - LETODIE - música e letra

Utilize o abecedário abaixo para abrir as páginas de letras dos artistas

A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z

Ri Agora, Chore Depois letra


O sol toca meu rosto e me lembra que tá na hora
De acordar e encarar a porra do mundo lá fora
De fingir, e mentir, bancar o cara gentil
Quando a vontade era de mandar tudo pra puta que

Outro dia sozinho, aos cuidados de ninguém
To achando até neguin, que Deus me esqueceu também
Não sei se isso é nocivo, eu tento mas não ligo
Foda-se, tanto faz, ele nunca falou comigo

Mais uma noite em claro e é claro que é ruim
O preço é caro e eu não sabia que era assim
Foda, nas rodas dizem: Carai, ce tem talento
Penso: Eles nem sabem, o raciocino tá lento

Mas fico esperto com o que eles tão tramando
Aqui tudo é incerto, confiar desconfiando
Sob o mesmo teto, quieto, no silencio tento ser
Mas meus olhos só enxergam o que eu não quero ver

Na auto estrada pro inferno, inverno, e tempo ruim
Mais um gole de vinho, alterno com pervitin
De corre e terno pro trampo, prezo pro santo ser forte
Deixo no caderno os prantos, rezo, de canto, sem norte

De frente pro espelho, com raiva da própria imagem
Faca nas costas, bosta. Perdi a aposta e a coragem
Sem resposta, trairagem pra esquecer
Encho as folhas do caderno e não deixo ninguém saber

Escondo o medo tão cedo não vou expor
Ultimamente tudo o que eu sinto é dor
Velho caderno, vai ficar entro nos dois
Vou rir agora e deixo pra chorar depois

Deitei mas não dormi, tentei, não consegui
Gritei pra alguém ouvir, rezei até enjoar
Falei, ninguém ouviu, tomei três Rivotril
Pensei, me sinto frio, porra eu tenho que mudar

Desconto em anfetamina, sensação que mina a mente
De repente muda o clima e me sinto diferente
Isso não é pra mim, eu nunca fui assim
Que se foda, põe a mascara e vai até o fim!

Sozinho, gelado, me sinto Jekyll 'n Hyde
Um lado me fala: calma; o outro: foda-se vai
Confusão, na cabeça uma tortura, loucura, sem cura
Arranco as ataduras. Criador ou criatura?

Não sei, acostumei com essa névoa de pecado
Com o coração vazio, mas de raiva sempre lotado
Sangue quente na veia, quimicamente alterado
Seguindo Maquiavel, melhor temido que amado

As vezes me pego pensando umas fita estranha
Sei la, eu não arrego, mas me irrita essas barganha
Troca de interesse, pisar em ovos no escuro
De novo, a única troca que eu sei era trocar murro

Pra quem é do interior esse mundo é esquisito
E tu vê que o exterior já não é lá tão bonito
Que tudo aqui é fútil, falso, fácil e à toa
Se eu não confio em mim, muito menos nas pessoas?

LetoDie - Letras

©2003 - 2017 - musicas.mus.br